Artemus de Almeida com Casillero é o campeão GP na 3ª Etapa do Ranking Hípica Paulista

O final de semana foi agitado na Sociedade Hípica Paulista, entre 6 e 9/4, na 3ª Etapa do Ranking, com 803 conjuntos distribuídos em 19 provas de 0.60 a 1.40 metro. Encerrando os quatro dias de muita disputa, 50 conjuntos largaram no GP, a 1.40 metro com R$ 30 mil em premiação, dos quais seis foram ao desempate com armação de Gabriel Malfatti. Ninguém bateu a marca de Artemus de Almeida com seu Cassillero, dupla campeã do GP do SHP Open 2017 em 12/3, que cruzou linha de chegada sem faltas, 34s38, garantindo a vitória.

Artemus e Casillero em ótima forma

Em seu 1º GP, o jovem talento Thales Marino montando Celena deu show e foi vice com pista limpa, 35s07.

Thales e Celena voando em pista

Já na 3ª colocação aparece Lucio Osório montando Txai R, sem faltas, 35s91. Em 4º lugar chegou Daniela de Castro Teixeira apresentando Levantus completando a rodada dos quatro conjuntos sem faltas, em 36s07. Em 33s59, melhor tempo do desempate mas com uma falta, Vitor Teixeira com Amazing Blue Império Egípcio emplacou em 5º lugar. Totty Miranda e Quonfidence cruzaram a linha de chegada com uma falta em 34s50, fechando o pódio na 6ª colocação.

Lucio e Txai R em salto perfeito

No mini GP disputado no sábado, 8/4, a vitória foi de Francisco Musa com Lara Império Egípcio. A 4ª Etapa do Ranking SHP movimenta a casa entre 20 e 23/4.

 

Fonte: SHP ; fotos: Luis Ruas

Rainha Isabell Werth vence na largada da Copa do Mundo de Adestramento e elogia desempenho do brasileiro João Victor Oliva

Aos 47 anos, Isabelle Werth, a mais premiada amazona de adestramento de todos os tempos, confirmou o favoritismo e montando Weihegold e largou na frente na Final da Copa do Mundo de Adestramento, em Omaha, Nebraska, EUA. Já o 2º posto coube a norte-americana Laura Graves apresentando Verdades, 79,800%, seguida pela britânico Carl Hester com Nip Tuck, 76,671%.

Isabell e a égua Weihegold vitória com folga na abertura da competição; Cara Grimshaw/FEI

Único brasileiro na competição, João Victor Marcari Oliva, 21, com o lusitano Xamã dos Pinhais, garantiu um bom resultado, 68,214%, fechou em 13º lugar e colheu elogios da vencedora.”O João Victor é o melhor brasileiro que já vi competindo, além de ser um cavaleiro muito desenvolvido. Estou surpreendida com a evolução dele nestes dois anos e meio que está morando na Alemanha, e ele já conquistou a admiração e o respeito de cavaleiros de todo o mundo. Com cavalos superiores o João Victor é um dos candidatos a se tornar top mundial”, destacou Isabell, atual nº 1 do mundo, prata individual e ouro por equipes na Rio 2016, também dona de cinco ouros olímpicos e mundiais por equipes, e duas vezes campeã da Final da Copa Mundo.

Agora a elite da modalidade se prepara para o Freestyle, no sábado, 1/4, que decide a competição. “Estou muito feliz, mas antes tenho que acalmar a minha égua, porque ela ficou agitada na cerimônia de premiação.

“Eu e minha equipe estamos contentes com a apresentação de hoje entre os melhores do mundo na final da copa do mundo de adestramento”, garantiu João, atual campeão sul americana, bronze por equipes no Pan 2015 e melhor brasileiro na Rio 2016.

João Victor e seu Xamã nas lentes de Liz Gregg/FEI

Emocionado, o pai do atleta, o empresário e criador Victor Oliva era só elogios ao filho: “O João Victor foi o mais aplaudido entre os 16 competidores do Grand Prix nesta final da Taça do Mundo de Dressage. Foi emocionante ver o respeito que os tops mundiais do Adestramento e o público demonstraram pelo meu filho, pela idade dele (21) e a paixão como ele monta e compete”, disse emocionado o empresário Victor Oliva. “Nunca tivemos um brasileiro neste patamar. O Brasil precisa conhecer o Adestramento e saber que tem talentos como o João Victor representando o país em eventos deste nível”, enfatizou.
Resultado completo.

Fatos e feitos

  • 16 cavaleiros de 13 países (Argentina, Australia, Bielorrússia, Brasil, Dinamarca, Alemanha, Grã Bretanha, Irlanda, Holanda, Nova Zelândia, Russia, Suiça e EUA)
  • 194 cavaleiros e amazonas e 215 cavalos competiram nas seletivas para a Final em Omaha
  • Isabell Werth busca o tricampeonato
  • 16 conjuntos vão disputara a Final. O holandês Hans Peter Minderhoud, campeão em 2016, não vai competir porque seu cavalos Glock´s First mancou um dia antes do embarque. Jessica Von Bredow Werndl da Almemanha também não competiu porque seu cavalos Unee B teve cólica no embarque em Amsterdã.

Brasil Hipismo com a fonte FEI e Rute Araújo

Artemus de Almeida com Chelano fatura Copa Ouro na Final do Torneio de Verão em Santo Amaro

No início da noite do sábado, 18/2, durante o Concurso de Salto Nacional 2ª Etapa do Torneio de Verão no Clube Hípico de Santo Amaro a principal disputa foi a Copa Ouro, 1.35 metro. Sempre concorrida foram 68 os conjuntos em pista, entre os quais 14 zeraram e 13 largaram no desempate com armação do course-designer paranaense Vailton Jaci Cordeiro. Sagrou-se vencedor o medalhista pan-americano Artemus de Almeida montando Chelano, de 9 anos, com pista limpa em 29s08, único abaixo da casa dos 30 segundos.

Artemus e Chelano a caminho da vitória

Em 2º lugar chegou o jovem talento Pedro Egoroff com Anton 640, sem faltas, 30s33. Já na 3ª colocação aparece Renato Junqueira Arantes no dorso de Farah Império Egípcio que zerou em 31s19.

A exemplo da 1ª Etapa do Torneio de Pedro Egoroff foi vice na Copa Ouro

“Sinto um prazer incrível em voltar a ser presidente do Clube especialmente nesse momento do Torneio de Verão agora de volta ao cenário nacional. Tudo está transcorrendo conforme esperado com resultado muito positivo em todos os aspectos” , destacou o anfitrião Francisco Mari, o Kiko, que foi presidente em duas gestões anteriores entre 2003 e 2006.

Nesse sábado também foram definidos campeões na classificação geral de 1 a 1.30 metro valendo a soma dos melhores em duas provas em suas respectivas categorias (aguarde cobertura). Encerrando a competição nesse domingo, 19, o Clássico, a 1.45 metro, com início previsto a partir das 14h30. Também serão disputados 6 GPs especiais de 1 a 1.30 metro e a final de 1.20 metro para Mirins, Jovens Cavaleiros e Pré-juniores.

Copa Ouro, 18/2

Campeão Artemus de Almeida / Chelano – FPH – 0/29s08
Vice Pedro Malucelli Egoroff / Anton 640 – FPH – 0/30s33
3º Renato Junqueira Arantes / Farah Imperio Egípcio – FPH – 0/31s19
4º Bruno Chaves Pessanha / ML Golden Girl – FPH – 0/31s19
5º Nicole Pantoja Margeotto / Chap Lando Z – FPH – 0/33s06
6º Artemus de Almeida / SL Bastiana – FPH – 0/34s66

Resultado completo.

Via CBH com a fonte: CHSA ; fotos: Luis Ruas / CBH

Fabio Sarti e Desteny dominam 1º GP do ano no Torneio de Verão em Santo Amaro

Nesse domingo, 12/2, no encerramento da a 1ª Etapa de Verão, Concurso de Salto Nacional que abriu a temporada oficial 2017 no Clube Hípico de Santo Amaro em São Paulo, a vitória no GP/Clássico, a 1.45 metro, foi do cavaleiro paulista Fabio Sarti montando Desteny. Dos 26 conjuntos, 11 sem faltas e um com apenas um derrube habilitaram-se à 2ª e decisiva volta com armação de Vailton Jaci Cordeiro, o Baíca. Ao final seis garantiram duplo zero e Fabio com Desteny, um sela belga de 14 anos, faturam o título no excelente tempo de 43s99.

Fabio Sarti e Desteny começaram a temporada 2017 em plena forma; img: Luis Ruas

Sagrou-se vice-campeão Rafael Ribeiro que no dorso NM Churra cruzou a linha de chegada em 46s51, também por São Paulo.Já o 3º posto ficou com a premiada dupla carioca Tiago Mesquita apresentando Baptista, 48s44.

“Foi um ótimo percurso, o cavalo começou o ano fresco já se mostrando em forma. Estou bem satisfeito, não poderia ser melhor “, comentou Fabio, 41, cavaleiro top da Sociedade Hípica Paulista. “Eu já havia montando o Desteny, aí ele foi vendido, mas há cerca de um ano acabou voltando para mim”, contou o cavaleiro. “Ele é de propriedade do Haras Joter. Dedico essa vitória aos proprietários Francisco Cirne Lima e Bia Johannpeter que estavam aqui hoje e acreditaram no meu trabalho.”

Mais um flash do conjunto vencedor no último salto do desempate do GP que encerrou a 1ª Etapa do Torneio de Verão; img: Luis Ruas

A premiação total da 1ª Etapa do Torneio de Verão foi de R$ 72.050, dos quais R$ 30 mil distribuídos entre os 12 melhores colocados.

Agenda

A 2ª Etapa do Torneio de Verão volta agitar Santo Amaro entre 15 e 19/2 com 40 provas para todos os níveis e categorias, incluindo a 1ª Etapa do Ranking Brasileiro de Cavalos Novos. As principais disputas são a Copa Ouro no sábado, 18/2, e o Clássico / GP, no domingo, 19. A 2ª Etapa do Torneio de Verão tem premiação de R$ 80 mil.

 

Pódio Clássico / GP 1ª Etapa do Torneio de Verão

Campeão Fabio Sarti / Desteny – FPH – 0/0/43s99
Vice Rafael Ribeiro / NM Churra – FPH – 0/0/46s51
3º Tiago Mesquita / Baptista – FEERJ – 0/0/48s44
4º Cesar Almeida / Cassino Royale – FPH – 0/0/48s61
5º Artemus de Almeida / Gicara 2 – FPH – 0/0/49s19
6º Marcello Gozzi / Gucci van´t Meulenhof – FPH – 0/0/50s80

Resultado completo 1ª Etapa Torneio de Verão

2ª Etapa Torneio de Verão
15 a 19 de fevereiro
Clube Hípico de Santo Amaro
Rua Visconde de Taunay, nº 508
Entrada Franca
Estacionamento: R$ 25,00

Informações 2ª Etapa Torneio de Verão

Fonte: CHSA  ; img: Luis Ruas / Brasil Hipismo

Final por equipes do campeonato brasileiro nas categorias Mini-mirim e Pré-junior

A nata jovem do hipismo está reunida na Sociedade Hípica Paranense em Curitiba, entre 20 e 24/6, para o Campeonato Brasileiro das categorias base. Estão em jogo nada menos que seis títulos: Mini-mirim (10 a 12 anos) disputado a 1 metro, Pré-mirim (12 a 14 anos) a 1.10 metro, Mirim (12 a 14 anos) a 1.20 metro, Pré-junior (14 a 16 anos) a 1.30 metro, Junior (14 a 18 ano) a 1.40 metro e Young Riders (16 a 21 anos) a 1.45 metro. Nas categorias Mirim, Pré-junior, Junior e Young Riders a decisão também é válida como 2ª e última etapa seletiva rumo ao Campeonato Sul Americano 2016 que agita a Sociedade Hípica Paulista entre 5 e 11/9. Para os Pré-mirins, o Brasileiro também vai vale como observatória para formação das equipes no Internacional que acontece junto com o Sul Americano.

Não podia faltar a selfie no pódio dos Pré-juniores; img: Luis Ruas

Não podia faltar a selfie no pódio dos Pré-juniores; img: Luis Ruas

Na quinta-feira, 21, saiu a decisão por equipes da categoria Mini-mirim e Pré-junior, em que os jovens talentos de São Paulo faturaram dois ouros. A decisão por equipes Pré-mirim e Junior acontece nessa sexta-feira, 22/7. A CBHTV transmite o Campeonato ao vivo.

Final Pré-junior

EquipesPJR1

Campeã – Federação Paulista de Hipismo – 9,06 pp
Thales Marino / Balla 12
Raphael Halaban / Dito Van
Felipe Menezes / Kashimira do Gerezin
Marcelo Gozzi / Cathaar Z

Vice – Federação Catarinense de Hipismo – 96,1 pp
Gabrielle Berger / Quite Capitano
Vinicius Leme R2D / Sl Ilustre
Marco Antônio Ghizoni / Imna

Final Mini-mirim

EquipesMMR

Campeã – Federação Paulista de Hipismo – 4 pp
Eduardo Coelho Barbara / Contigo de Laubry
Pietra Carolina Bizzotto / Dona ML
Matheus Esposito de Almeida Ribeiro / Goldgirl CHCP
João Malucelli Egoroff / Kaliupy

Vice – Federação Catarinense de Hipismo – 4 pp (critério de desempate melhor aproximação ao tempo ideal no primeiro dia)
Bruno Yllon Araujo Joner / Canelazo
Luma Bertão de Oliveira / Baviera Itapuã
Paula Maffazioli del Grande / Victoria
Roberta Pickler Gevaerd / Cora do Refúgio

3ª colocada – Federação Gaúcha dos Esportes Equestres – 12 pp
Bruna Bortoluzzi / Hinningcon van Het RusseltVell
Marco Antonio Scorsato / Paco Cristal
Giovana Quadros Chiste / Mulher Maravilha
Antonio Johannpeter Cirne Lima / Palermo

Fonte: CBH – C.May com fotos: Luis Ruas.

Felipe Guinato vence GP do Vilamoura Summer Tour 2016

Foi do top paulista Felipe Ramos Guinato, radicado em Coimbra (Portugal), a vitória no GP, a 1.45 metro, na Final do , em 13/7. Montando Goodtimes van´t Lozerhof, Felipe venceu sem faltas no desempate em 46s46.

Falipe e Goodtimes van´t Lozerhof em clique por Hanna Wood (reprodução facebook)

Falipe e Goodtimes van´t Lozerhof em clique por Hanna Wood (reprodução facebook)

Dos 27, seis habilitaram-se ao desempate na disputa válida pelo Ranking FEI Longines. O 2º e 3º lugar ficou em casa com os portugueses Hugo Carvalho montando Tsar D´Audoville e Luis Sabino Gonçalves no dorso de Impérioo Egípcio Rivage, ambos sem faltas, respectivamente, em 46s65 e 47s12.

Participaram do evento, 300 conjuntos de oito países.

Resultado completo

Vitória para Stephan Barcha com Landpeter do Feroleto no Vilamoura Atlantic Tour

Sempre competitivo o jovem talento brasileiro Stephan Barcha, 26, e Landpeter do Feroleto, premiado cavalo de criação nacional filho de Landritter, foi o campeão do GP Francisco Moura, a 1.45 metro no Internacional 2* no Vilamoura Atlantic Tour em Portugal, nesse domingo, 6/3. Essa é a segunda vitória de Stephan na competição, a primeira foi GP em 21/2, então montando Aliana.

Stephan com o super craque Landpeter do Feroleto

Stephan com o super craque Landpeter do Feroleto

Dos 55 conjuntos inscritos no GP, 12 habilitaram-se ao desempate e apenas três voltaram a zerar. Stephan e Landpeter do Feroleto garantiram a 1ª colocação com vantagem de mais de 2 segundos, em 46s16. Em 2º lugar cheogu Morgan Bordat apresentando Star de la Beviere, 48s4, pela França. Já o terceiro ficou Samy Colman com Simara Alia, pelo Marrocos, 48s43. O brasileiro Rodrigo Marinho com Cleofas van Westuur também se habilitou ao desempate, mas acabou cometendo uma falta.
Consulte o resultado completo

Brasil Hipismo com CBH – CMay ; foto: cedida

Deu Brasil no Circuito do Sol com Felipe Amaral e Babalou Amor

Montando Babalou Amour, o jovem talento brasileiro Felipe Amaral, campeão brasileiro senior top 2013, campeão sul-americano 2014  e integrante do Time Brasil no Pan 2015, honrou as cores do Brasil nessa sexta-feira, 26/2, no Circuito do Sol, Montenmedio Golf & Country Club, em Vejer de la Frontera, na Espanha.

Felipe e Babalou Amor em clique de arquivo no Longines Indoor 2014 na Hípica Paulista

Felipe e Babalou Amor em clique de arquivo no Longines Indoor 2014 na Hípica Paulista;img: Luis Ruas

Felipe e Babalou, uma filha de Baloubet du Rouet de 12 anos, superaram nada menos que 79 conjuntos sem faltas na prova, a 1.45 metro – Big Tour C, disputada em duas fases, em 33s04. Yazmin Pinchen com Con Chilli e Tim Page com Steady the Helm emplacaram na 2ª e 3ª colocação, pista limpa, em 33s67 e 34s11, representando a Grã-Bretanha.

O Circuito do Sol, grande polo de hipismo europeu a cada início de temporada, tem cinco semanas de duração e vai até 20 de março. Ao lado de Felipe Amaral, o Brasil está fortemente representado com Pedro Veniss, Carlos Ribas, Luiz Francisco de Azevedo, Felipe Guinato, Pedro Costa, entre outros.

Mc Lain Ward vence e Eduardo Menezes emplaca em 4º lugar no GP 5* U$ 380 mil em premiação nos EUA

O bicampeão olímpico por equipes e campeão pan-americano individual McLain Ward com Rotchild foi o grande vencedor GP 5* Fidelity Investments na noite desse sábado, 13,no Palm Beach International Equestrian Center em Wellington (EUA). Enquanto a top Meredith Michael Beerbaum e Comanche 28 garantiram o 2º posto. sem faltas, em 50s05.

Mc Lain Ward e Rotchild a caminho da vitória

Mc Lain Ward e Rotchild a caminho da vitória

O course-designer olímpico britânico Bob Ellis armou o GP que contou com 44 conjuntos dentre os quais oito foram para o desempate e somente três garantiram duplo zero falta. O 3º posto foi do colombiando Mark Bluman montando Califa LS que zerou em 53s51. Já o brasileiro Eduardo Mendez e Quintol fez apenas uma falta já ao final do percurso, 49.74, segundo melhor tempo do desempate garantindo o 4º posto. Eduardo e Quintol integraram a equipe brasileira no Pan 2015 fechando a competição em 9º lugar individual e quarto lugar por equipes.

Eduardo Menezes e Quintol no Pan 2015 onde o conjunto virou para a Final em 2º lugar

Eduardo Menezes e Quintol no Pan 2015 onde o conjunto virou para a Final em 2º lugar

O brasileiro Fábio Leivas montando Allegro van de Donkhoeve bateu na trave com apenas um ponto perdido na 1ª volta. Também pelo Brasil, Doda Miranda com sua nova montaria AD Cornetto K cometeu somente um derrube e Rodrigo Pessoa apresentando Sans Souciz Z com oito pontos.

Vale lembrar que o Winter Equestrian Festival 2015 segue até 3 de abril e está serveo como base de parte dos candidatos ao Time Brasil nos Jogos Rio 2016 nesse início de temporada. E a cada semana um GP 5* agita o Palm Beach International Equestrian Center. Depois o grupo segue para Europa onde segue a preparação e observação para a definir a escalação da equipe brasileira rumo aos primeiros Jogos Olímpicos na América Latina.
Resultado completo – clique aqui.

 

Fonte: CBH – CMay com fotos Sportfot/divulgação e arquivo Pan / COB

Inicie 2016 com ousadia e muito amor

“Namorar, noivar, casar”… no mundo dos cavalos criados em liberdade o ritual de acasalamento também passa por momentos de delicadeza, carinho e brincadeiras… O garanhão corteja as éguas de todas as formas e às vezes mais parece um encontro de igual para igual. A égua permanece impassível, mas, ao final, com a chegada do dia fértil, costuma se render a paixão.. Normalmente, o reprodução dos cavalos começa na primavera. Embora no hemisfério sul estejamos no início de verão, escolhemos essa linda imagem para fazer nosso primeiro post em 2016.

cavalos600

Após um período de pouca atividade no final de 2015, vamos voltar com tudo nessa temporada e, além das notícias esportivas de cada dia já amplamente divulgados em outras mídias, queremos apresentar aos nossos leitores momentos especiais e curiosidades.. Vamos curtir um 2016, ano dos primeiros Jogos Olímpicos na América do Sul, maravilhoso em que a criatividade, o amor e foco certamente vão fazer fazer a diferença!

 

Img reprodução: The Noble Horse