Zé Roberto Reynoso com Maestro St Lois papa GP dos 69 anos da Hípica de Campinas

Em casa no Concurso de Salto Nacional do 69º Aniversário da Sociedade Hípica de Campinas, o course-designer olímpico Guilherme Jorge está frente a armação dos percursos. No GP/Clássico, a 1.45 metro, José Roberto Reynoso Fernandez Filho, que vem de vitória no GP Indoor na Hípica Paulista em 24/9, mais uma vez levou a melhor. Montando Maestro St Lois, um sela francês de 18 anos e sua montaria em Londres 2012, Zé Reynoso, bicampeão brasileiro senior top 2015/2016, faturou o título sem faltas em 33s12.

Zé Roberto e Maestro St Lois em salto perfeito

Dos 24 conjuntos, somente quatro habilitaram-se ao desempate. Sagrou-se vice-campeão o cavaleiro do interior paulista Bruno Chaves Pessanha montando Transwall Cerise de Muse, pista limpa, 33s96. Já o 3º posto ficou com Bartholomeu Bueno de Miranda Neto, o Totty, apresentando Zambia Mystic Rose, uma falta, 42s10, seguido pelo atual campeão brasieiro Felipe Amaral que montando Hanna Pullman acabou fechando o desempate com 21 pontos perdidos.

Daniela Lemos de Castro Teixeira com Salamandra Climax foi 5ª colocada, trazendo apenas uma falta na primeira passagem. Já o cavaleiro pan-americano uruguaio Marcelo Chirico Ferreira com QH Baloudarc LF foi o mais rápido entre os oito conjuntos com 1 falta na primeira passagem. Todos os seis primeiros colocados representam São Paulo. O GP distribuiu R$ 50 mil em premiação.

Nesse domingo, 1/10, acontecem três provas com destaque para a Copa Ouro, a 1.35 metro, a partir das 14 horas. A entrada é franca.

GP/Clássico – 1.45 metro – 30/9

Campeão José Roberto Reynoso Fernandez Filho / Maestro St Lois – FPH – 0/33s12
Vice Bruno Chaves Pessanha / Transwall Cerise de Muse – FPH – 0/33s96
3º Bartholomeu Bueno de Miranda Neto / Zambia Mystic Rose – FPH 4/42s10
4º Felipe Amaral / Hanna Pullmann – FPH – 21/52s80
5º Daniela Lemos de Castro Teixeira / Salamandra Climax – FPH – 1/85s29
6º Marcelo Chirico Ferreira / QH Baloudarc LF – FPH – 4/78s58

Ordens de Entrada e Resultados

 

Fonte: Imprensa – CBH

 

Karina, Flavia, Sofia e Jane: campeãs paulistas Amazonas 2017

Foram três dias de disputa 100% feminina na Sociedade Hípica de Campinas, entre 25 e 27/9, corriqueiro e tradicional palco do evento mais charmoso do ano: o Campeonato
Paulista de Amazonas. Foram disputados os títulos estaduais e por equipes em quatro categoria: 1, 1.10, 1.20 e 1.30 metro, com altura elevada em cinco centímetros nas
finais individuais. Em parelelo também rolou o Paulista de Amazonas Iniciantes. Amazonas de todos as idades competindo em condições de igualdade e, muitas vezes, em família.

Na categoria Amazonas Top, valeu a experiência da amazona top Karina Goldmann Lemos Torres que já perdeu a conta de títulos paulistas na categorias, número que a
representante do CHSA estima em oito. Karina e Wignina, cedida pelo cavaleiro Marcelo D Arienzo e Claire Bays e E3I Kideo D´Alleume, pela Estância 3 Irmãos, fecharam a 3ª prova totalizando 4 pontos e foram ao desempate pelo ouro. Com uma falta, em 42s22, Karina e Wingina garantiram mais um título para coleção. Clarie e Kideo, que acabaram eliminados no desempate, ficaram com o vice-campeonato.

Karina e Wingina em perfeita sintonia

O bronze também teve desempate entre dois conjuntos com oito pontos. Por Santo Amaro, Lucia Maria Rivas Fernandez, campeã paulista 2016, dessa vez montou Loreley, cedida pelo cavaleiro Rodrigo Moraes, conquistou bronze, em percurso sem faltas, em 36s64, deixando Thais Balbino de Souza com Pic Pic Une Aimmee, que zerou em 38s88, por Ribeirão Preto, na 4ª colocação.

Na categoria Amazonas a decisão pelo ouro, prata e bronze teve desempate entre três amazonas santamarenses zeradas ao final da terceira prova. Montando sua Crystal
Santa Dalila, Flavia Helena Junqueira Lopes voltou a zerar em 38s48, conquistou o bicampeonato consecutivo. Mariana Moraes de Barros e seu SL Bizu fez uma falta em
35s97. A jovem amazona Gabriela Lemos Torres, filha da campeã Karina, com Roxane Equiprime acabou fechando com 13 pontos e a medalha de bronze.

Flavia e Crystal Santa Dalila

A categoria Amazonas A 1.10 metro foi concorridíssima. Dos 51 conjuntos, 12 sem faltas habilitaram-se ao desempate na corrida pelo pódio e nove voltaram a zerar.
Sagrou-se campeã Sofia Drago Mendes com Topthorn Chin Chin que cruzou a linha de chega em 38s28.

Comemoração no pódio do Paulista Amazonas A

Finalmente na categoria Amazonas B, 1 metro, dos 53 conjuntos , cinco chegaram ao final da terceira prova e também voltaram a zerar o desempate valendo a melhor aproximação ao tempo ideal de 35 segundos. Sagrou-se campeã Jane Giltrup montando Cyrano JMen pelo Manège Amma. Por Santo Amaro, Maria Cochrane Pucci com Lord List foi 4ª colocada em mais uma apresentação, sem faltas, em 31s70.

As campeãs do Paulista Amazonas B com direito a festa no pódio

Paulista Amazonas Top – 17 conjuntos

Campeã Karina Goldmann Lemos Torres / Wingina – CHSA – 4 pp – 4/43s22
Vice Claire Bays / E3I Kideo D Alleaume – E3I – 4 pp – EL
3º Lucia Maria Rivas Reynoso Fernandez / Loreley JMen – CHSA – 8 pp – 0/36s64
4º Thais Balbino de Souz / Pic Pic Une Aimee – SHRP – 8 pp – 0/38s88
5º Carolina Souza Chade / Flying High das Umburanas – SHP – 9 pp
6º Anna Cristina Nistal Nunes Dias / Hold Me – CHGV – 11 pp

Paulista Amazonas 1.20 metro – 30 conjuntos

Campeã Flávia Helena Junqueira Lopes / Crystal Santa Dalila – CHSA – 0 pp – 0/38s48
Vice Mariana Moraes de Barros / Sl Bizu – CHSA – 0 pp – 4/35s97
3º Gabriela Lemos Torres / Roxane Equiprime – CHSA – 0 pp – 13/51s63
4º Fernanda Ribeiro de Araujo / Frederico SI – CHSA – 4 pp
5º Carmen Negrão Nscimento / CT Anna Bolena – SHC – 4 pp
6º Isabella Bretthauer / FM Dior – CHSA – CHSA – 4 pp

Amazonas A 1.10 metro – 51 conjuntos

Campeã Sofia Lanzoni Drago Mendes / Topthorn Chin Chin – Manège VB – 0 pp – 0/38s28
Vice Viscelli Oazen Lua / Electra GR – CHGV – 0 pp – 38s52
3º Jimena Cervino / Gama Gentileza – CESB – 0 pp – 38s64
4º Pietra Carolina Bizzotto / Carolina JMen – CESB – 0 pp – 39s17
5º Sofia Rivera Porto / Latin Lover JC – CHGV – 0 pp – 39s75
6º Pietra Carolina Bizzotto / Dona ML – CESB – 0 pp – 40s95

Amazonas B – 1 metro – 53 conjuntos

Campeã Jane Giltrup / Cyrano JMen – Manège Amma – 0 pp – 0/33s98
Vice Mariana Serra Azevedo / Skalibur SH – HRAS – 0 pp – 0/33s52
3º Luisa Silva Parolin Ribeiro / Tempestade Santa Rosa – SHRP – 0 pp – 0/32s86
4º Maria Cochrane Pucci / Lord List – CHSA – 0 pp – 0/31s70
5º Nadia Naira de Carvalho Gomieri / Salamandra New Rex – SHRP – 0 pp – 0/4s53
6º Rafaela de Nardo Venancio / Onix – HMA – 1 pp

Resultado completo

Fotos: Gabriela Lutz e Tupa Vídeo

Parceria de uma vida inteira | A emocionante despedida das pistas de Scorpion Método, de Renato Ribeiro

Não faltaram amigos para se despedir do incrível Novac Sports Scorpion Método, montaria de Renato Santaella Ribeiro. Embaixo de uma leve chuva, Renatinho e Scorpion, que está se aposentando, galoparam juntos uma última vez pela pista principal da Sociedade Hípica de Campinas, durante o concurso do seu 68º Aniversário.

O último galope de Scorpion Método; img: Heleno Clemente

O último galope de Scorpion Método; img: Heleno Clemente

Em uma comovente cerimônia, Scorpion, de 19 anos, foi homenageado por Renatinho, por seu pai, Ismar Augusto Ribeiro Neto, o Duto, e por muitos fãs e amigos da família. E a emoção tomou conta de todos. “Tem muitas coisas que eu gostaria de dizer agora… sou muito grato pelo meu pai ter “feito” ele pra mim desde potro! Por meu patrocinador que me apoia há 17 anos já. E pelo Scorpion ter me dado a oportunidade de aprender tanto com a companhia dele”, agradeceu Renatinho.

Muitos fãs e amigos presentes; img: Heleno Clemente

Muitos fãs e amigos presentes na despedida das pistas; img: Heleno Clemente

Após seu tratador José Joaquim, o Zé, retirar sua sela pela última vez, Scorpion mostrou que ainda tem vitalidade para dar e vender com um feliz corcove.

Scorpion mostrando que ainda tem muita vitalidade; img: Heleno Clemente

Scorpion mostrando que ainda tem muita vitalidade; img: Heleno Clemente

A dupla conquistou muitos títulos nesses 16 anos de parceria: campeã do Troféu Eficiência em 2009, vice-campeã do Derby do Clube Hípico de Santo Amaro em 2014 e do GP do Torneio de Verão 2013, vice-campeã paulista de Sênior Top por equipe e 4º lugar individual. Eles ainda integraram o time do Brasil no CSI-W El Capricho na Argentina e venceram quatro vezes a primeira prova do Concurso deAniversário da Sociedade Hípica de Campinas, entre muitas outras classificações.

Confira mais alguns cliques do fotógrafo Heleno Clemente:

Todas as homenagens a ele, o cavalo; img: Heleno Clemente

Todas as homenagens a ele, o cavalo; img: Heleno Clemente

Muitos carinhos e afagos; img: Heleno Clemente

Muitos carinhos e afagos; img: Heleno Clemente

Um último tapinha no pescoço antes do merecido descanso; img: Heleno Clemente

Um último e emocionado tapinha no pescoço antes do merecido descanso; img: Heleno Clemente

 

Fonte: Brasil Hipismo; fotos: Heleno Clemente

Pepê Muylaert e Gama Cartier levam a melhor na Copa Prata nos 67 anos da Hípica de Campinas

Foi de Pedro Junqueira Muylaert, o Pepê, com Gama Cartier a vitória na Copa Prata, a 1.30 metro, que encerrou o Concurso de Salto Nacional nos 67 anos da Sociedade Hípica de Campinas nesse domingo, 29/3. Participaram da disputa nada menos que 80 conjuntos, dentre os quais 16 garantiram pista limpa habilitando-se ao desempate com armação de Gabriel Malfatti.

Pepê e Gama Cartier venceram com mais de um segundo de vantagem: foto: Luis Ruas - Brasil Hipismo

Pepê e Gama Cartier venceram com mais de um segundo de vantagem: foto: Luis Ruas – Brasil Hipismo

Montando Gama Cartier, Pepê não deu chances levou a melhor sem faltas na ótima marca de 38s48. Já o 2º posto foi de Lourenço Vieira da Silva apresentando Salamandra Climax, pista limpa, 39s58. Renato Rodrigues dos Santos e Cantura Joter emplacaram em 3º lugar, sem faltas, 39s78.

Placar Copa Prata

1º Pedro Junqueira Muylaert / Gama Cartier – FPH – 0/0/38s48
2º Lourenço Vieira da Silva / Salamandra Climax – FPH – 0/0/39s58
3º Renato Rodrigues dos Santos / Cantura Joter – FPH – 0/0/39s78
4º João Pedro Scafuro / Little Joe II – FPH – 0/0/41s92
5º Maithe Lenz Caminada / CT Anna Bolena – FPH – 0/0/42s20
6º Sarah Rocha Vasconcellos / Contino van Helle Z – FPH 0/0/45s73

Resultado completo – clique aqui

 

Isabela Piovesan vence 1º Clássico da carreira no 67º Aniversário da Hípica de Campinas

Na tarde desse sábado, 28/3, a jovem amazona Isabela Piovesan, 17 com seu GTI 3 foi a grande campeã do Clássico, a 1.40 metro, principal disputa do Concurso de Salto Nacional 2* no 67º Aniversário da Sociedade Hípica de Campinas.

Isabela Piovesan e GTI 3 saltam para a vitória na Sociedade Hípica de Campinas; foto: Luis Ruas / Brasil Hipismo

Isabela Piovesan e GTI 3 saltam para a vitória na Sociedade Hípica de Campinas; foto: Luis Ruas / Brasil Hipismo

Foram 37 os conjuntos na disputa em duas voltas que teve armação de Gabriel Malfatti. Ao todo 10 habilitaram-se para a 2ª volta, dentre os quais 7 sem faltas e os dois mais rápidos com apenas um derrube. Mas ao final somente um fez duplo zero falta: Isabela com GTI 3, campeã americana mirim 2012, que cruzou a linha de chega em 44s31 garantindo pela primeira vez a vitória em um Clássico.

O vice-campeonato ficou com Luis Antonio Piva Filho e seu Cavalleria Toscana Zaterdag Cooper com apenas 1 ponto por excesso de tempo na 1ª volta e pista limpa na 2ª, 54s39. Em 3º lugar chegou o cavaleiro olímpico José Roberto Reynoso Fernandez Filho com Cordobes JMen Sanol Dog Protecnica que fechou com um derrube na primeira volta e pista limpa na 2ª, em 41s72. Todos por São Paulo.

 

Resultado GP Clássico 1,40m

1º Isabela Piovesan Dall Oglio / GTI 3 – FPH – 0/0/44s31
2º Luis Antonio Piva Filho / Cavalleria Toscana Zaterdag Cooper – FPH – 1/0/54s39
3º José Roberto Reynoso Fernandez Filho / Cordobes JMen Sanol Dog Protecnica – FPH – 4/0/41s72
4º Renato Santaella Ribeiro / Scorpions Método – FPH – 0/4/41s92
5º Lucio Osorio / Galipolli Ter Doorn – FPH – 4/0/42s05
6º José Roberto Reynoso Fernandez Filho / Prestige Corindhus JMen Sanol Dog Protecnica – FPH – 0/4/42s28

 

Resultado completo – clique aqui

O evento segue até domingo, 29/3, com destaque para Copa Prata, a 1.30 metro, a partir das 13 horas. A entrada é franca.

 

Fonte: Brasil Hipismo – foto: Luis Carlos Ruas / Brasil Hipismo

Musa com Bolero JMen vence Clássico e Artemus com Lendario JMen, a Copa Ouro, nos 66 anos da Sociedade Hípica de Campinas

Só deu Francisco Musa nos dois primeiros Nacionais do ano em São Paulo. Após a vitória, no Clássico do Torneio de Verão há duas semanas, Musa, mineiro radicado em São Paulo, voltou a vencer o Clássico, a 1.45 metro, que encerrou o 66º Aniversário da Sociedade Hípica de Campinas (SP), nesse domingo, 6/4.

Francisco Musa com Bolero JMen, que em 2013  emplacou em 3º lugar, dessa vez garantiu a vitória; imagem: Luis Ruas

Francisco Musa com Bolero JMen, que em 2012 emplacou em 3º lugar e foi vice em 2013, dessa vez garantiu a vitória; imagem: Luis Ruas

Dessa vez Musa, que é tricampeão do ranking brasileiro senior 2009, 2010 e 2012, levou o jovem brasileiro de hipismo Bolero JMen à vitória com único zero falta no desempate em 40s.

Dos 46 concorrentes, seis com pista foram para decisão no percurso armação do course-designer internacional Guilherme Jorge . A sempre veloz e competitiva dupla Rafael Ribeiro e Brucce Climber registrou o melhor tempo, uma falta, 37s17, também por São Paulo. Garantindo presença feminina no pódio, a jovem amazona paulista Daniela Aquino de Arruda Martins, campeã brasileira junior 2013, com Zarisma, um derrube, 40s48.

Comemoração no pódio do Clássico nos 66 anos da Sociedade Hípica de Campinas com Plínio Soares Junior, presidente da FPH, e

Comemoração no pódio do Clássico nos 66 anos da Sociedade Hípica de Campinas; imagem: Luis Ruas

No sábado, 5/4 à tarde, a principal disputa foi a Copa Prata, a 1.35 metro, em duas voltas. A vitória foi do top Artemus de Almeida apresentando o Brasileiro de Hipismo Lendario JMen, duplo zero falta, 53s09. A 2ª posição foi de Lucio Osorio com Aero Star Cooper, um derrube na soma das duas passagens, 48s20. Enquanto o 3º posto foi do campeão sul americano e brasileiro young riders Guilherme Saraiva de Morais com Carry 62, um falta, 49s64. Todos por São Paulo.

Plínio Soares Junior, presidente da FPH, com os vencedores do mini GP ; imagem: Luis Ruas

Plínio Soares Junior, presidente da FPH, com os vencedores do mini GP ; imagem: Luis Ruas

Ao todo o evento no tradicional polo hípico no interior paulista teve nas provas de 1 a 1.45 metro mais de um mil participações ao longo dos quatro dias de prova.

Prova Clássico – Final 66º Aniversário Sociedade Hípica de Campinas

1º Francisco Musa / Bolero JMen – FPH – 0/0/40s81
2º Rafael Ribeiro / Brucce Climber – FPH – 0/4/37s17
3º Daniela Aquino de Arruda Martins / Zarisma – FPH – 0/4/40s48
4º Fernando Chiarotto Penteado / Arriminum TW – FPH – 0/4/40s66
5º Bartholomeu Bueno de Miranda Neto / GK Rommy Basko – FPH – 0/4/40s81
6º Francisco Cirne Lima / Quisling de Kreisker – FGEE – 0/8/41s89

 

Resultado completo – clique aqui

 

Fonte: Brasil Hipismo; fotos: Luis Carlos Ruas ; lcruasfotografia@gmail.com

Zé Roberto com Impressiv JMen Sanol Dog Protécnica papa mini GP em Campinas

Como de costume nos Concurso de Salto Nacionais, o mini GP no sábado, 9/11, foi o páreo mais concorrido nos 65 anos da Sociedade Hípica de Campinas, no interior paulista. Sempre competitivo, o cavaleiro olímpíco José Roberto Reynoso Fernandez Filho e Impressiv JMen Sanol Dog Protécnica garantiu a vitória sem faltas em 36s59.

Ao todo nada menos 15 que conjuntos entre um total de 73 habilitaram-se ao desempate idealizado por Gabriel Malfatti. Sagrou-se vice-campeão Francisco Musa montando Paloma Mia JMeen, sem faltas, em 37s30, também por São Paulo. Em 3º lugar chegou o jovem talento brasiliense radicado em São Paulo Kitaro Baldaia Bemfica com Casulo JMen, pista limpa, 37s030.

Comemoração no pódio do  mini GP nos 65 da Sociedade Hípica de Campinas; foto: www.multicavalos.com.br

Comemoração no pódio do mini GP nos 65 da Sociedade Hípica de Campinas; foto: www.multicavalos.com.br

Na 4ª colocação aparece novamente Zé Roberto, dessa feita, com GF Dream Girl, pista limpa, 37s34. Após vários anos radicado no México, Celso Camargo Ariani com Suprise 157 retorna aos pódios em solo brasileiro com o 5º posto, pista limpa, 37s78. E, finalmente, na 6ª colocação aparece a jovem amazona estreante em mini GPs, Isabela Piovesan Dall Oglio com seu Quick Time, pista limpa, 39s77, também por São Paulo.

Em seu retorno às pistas, Artemus de Almeida com Landinho do Feroleto II vence o GP Sociedade Hípica de Campinas

Na tarde do domingo, 11/11, Artemus de Almeida sagrou-se campeão do GP nos 65 anos da Sociedade Hípica de Campinas, mais tradicional pólo hípico no interior paulista. O cavaleiro, recém recuperado de uma cirurgia no ombro, comemorou sua volta às competições levando o garanhão Dimensional Landritter do Feroleto II à vitória sem faltas na 2ª volta em 48s41.

Artemus e Dimensional Landritter do Feroleto em clique de arquivo por Duílio - Tupa Vídeo

Artemus e Dimensional Landritter do Feroleto em clique de arquivo por Duílio – Tupa Vídeo

Conforme a regra os melhores 25% – 10 dos 37 conjuntos – dentre os quais 7 sem faltas retornaram para 2ª volta. Sagrou-se vice-campeão, repetindo o resultado de 2012,, Francisco Musa com Bolero JMen, que garantiu duplo zero falta em 50s22. Com um derrube em 50s22, José Roberto Reynoso Fernandez Filho com Cordobes JMen Sanol Dog Protécnica garantiu o 3º posto.

Confraternização e champagne no pódio do GP SHC ; imagem: Multicavalos.com.br

Confraternização e champagne no pódio do GP SHC ; imagem: Multicavalos.com.br

Completaram o placar da 4ª à 6ª colocação, Bartholomeu Bueno de Miranda Neto, o Totty, o cavaleiro olímpico chileno Rodrigo Carrasco com Bardine Valmar, ambos com derrube em 51s340 e 54s63, e Lourenço Vieira da Silva com L&M Darwin Climber, oito pontos, 47s45.

 

Resultado completo – clique aqui

Bianca Rodrigues é ouro e Haras Jahu vence por equipes no Paulista de Amazonas Top

No final de semana entre 28 e 30/6, a Sociedade Hípica de Campinas, no interior paulista, sediou o Campeonato Paulista de Amazonas. Disputado em quatro alturas – Amazonas B, a 1m, Amazonas A, 1.10m, Amazonas, 1.20m, e Amazonas Top, a 1.30m – a armação de pista esteve a cargo da prestigiada course-designer internacional Marina Azevedo.

Dos 30 conjuntos que largaram na primeira prova da categoria Amazonas Top, 16 disputaram a prova final enfrentando com categoria o mau tempo. Com apenas uma ponto por excesso de tempo na prova final, Bianca Rodrigues, de 17 anos, com sua nova montaria Abernante sagrou-se campeã e comemorou um dos mais importantes títulos de sua carreira.

Bianca Rodrigues e Abernante rumo a vitória no Paulista de Amazonas Top em registro por Luis Carlos Ruas

Bianca Rodrigues e Abernante rumo a vitória no Paulista de Amazonas Top em registro por Luis Carlos Ruas – www.facebook.com/LcRuasFotografia

 Galeria de Imagens – clique aqui

“Agora nossa meta é o Campeonato Brasileiro Junior daqui a duas semanas e a busca de uma vaga no Campeonato Americano da categoria”, revela Tony Fortinho, atual treinador de Bianca, que também conta com José Rubens Delia na preparação física.

Sagrou-se vice-campeã, a jovem amazona Jessica Macedo dos Santos apresentando Forest Atalante pelas cores do Haras Jahu. A representante do Centro Hípico de Excelência Serra Azul Daniela Castro comemorou a 3ª e 4ª colocação respectivamente com Caretello e Comandante. Enquanto Verena Gouveia, representante da entidade anfitriã, levou Robin Gerezin ao 5º posto. Fechando o placar, a 6ª colocação ficou com Claire Bays montando E3I Kideo Alleaume.

Comemoração no pódio individual do Paulista de Amazonas Top 2013; imagem: www.multicavalos.com.br

Comemoração no pódio individual do Paulista de Amazonas Top 2013; imagem: www.multicavalos.com.br

Campeã Bianca Rodrigues / Abernante – Clube Hípico de Santo Amaor
Vice-campeã Jéssica Macedo dos Santos / Forest Atalante – Haras Jahu
3º Daniela Castro / Caretello – Centro Hípico de Excelência Serra Azul
4º Daniela Castro / Comandante – Centro Hípico de Exclência Serra Azul
5º Verena Gouveia / Robin Gerezin – Sociedade Hípica de Campinas
6º Claire Bays / E3I Kideo Alleaume – Estância Três Irmãos

 

No sábado, 29, a equipe do Haras Jahu com irmãs Jessica e Simone Macedo dos Santos, respectivamente, montanadon Forest Atalante e Corline JMen e Ariana Midori Oda apresentando Baloubet comemorou a vitória. A Sociedade Hípica de Campinas ficou com o vice-campeonato e o Clube Hípico de Santo Amaro foi bronze.

Ouro para as meninas do Haras Jahu, Sociedade Hípica de Campinas, prata, e Clube Hípico de Santo Amaro, bronze; imagem: www.multicavalos.com.br

Ouro para as meninas do Haras Jahu, Sociedade Hípica de Campinas, prata, e Clube Hípico de Santo Amaro, bronze; imagem: www.multicavalos.com.br

Placar por equipes

Campeã – Haras Jahu – 20 pontos

Jessica Macedo dos Santos / Forest Atalante
Ariane Midori Oda / Baloubet
Simone Machado Macedo dos Santos / Corline JMen

Vice-campeã – Sociedade Hípica de Campinas – 26 pontos

Feranda Bianch de Vuouno Pellegrini / Quito Jal
Victoria Franco Balbino / Sultan
Giovana Moreira Pellicano / Colegio Progresso Matiz do Eldorado
Verena da Silveira Gouveia / Robin Gerezin

3ª colocada – Clube Hípico de Santo Amaro – 40 pontos

Bianca de Souza Rodrigues / Abernante
Bruna Hugenneyer de Matos / QH Cote d Or
Stefanie Buck Marques / Romena JMen

 

Aguarde pontuação final Amazonas Top e resultados das demais categorias ainda inativos no sistema da FPH.

Galeria de Imagens por Luis Carlos Ruas – clique aqui 

Brasil Hipismo com Word Brasil Comunicação; imagens: Luis Carlos Ruas – Fotografias – www.facebook.com/LcRuasFotografias e portal Multicavalos – www.multicavalos.com.br
 

 

Lucas de Lucca, Luisa Damha, Claudio Pereira e Diego Feres são os campeões paulistas jovem cavaleiro 2013

Entre 5 e 7/4, o Clube Hípico de Santo Amaro recebeu o Campeonato Paulista de Jovens Cavaleiros 2013. A categoria é aberta a concorrentes entre 12 e 21 anos em quatro diferentes alturas Jovem Cavaleiro B, 1 metro, Jovem Cavaleiro A, 1.10 metro, Jovem Cavaleiro, 1.20 metro, e Jovem Cavaleiro Top, 1.30 metro.

Os pódios individuais foram definidos no domingo, 8. Na série Jovens Cavaleiros B, a decisão foi acirrada, com todos os seis primeiros colocados no pódio sem faltas. Sagrou-se campeão, o jovem talento Lucas Petronilio de Lucca com SL Inscrita pelo Centro Hípico Granja Vianna que registrou a melhor aproximação ao tempo ideal.

Lucas Petronilio de Lucca e SL Inscrita saltam para a vitória

Lucas Petronilio de Lucca e SL Inscrita saltam para a vitória

Leonardo Marcondes com Coroliano RCLI foi o vice-campeão pelas cores do Haras RCLI.

O vice-campeão Leonardo Marcondes com Coroliano RCLI

O vice-campeão Leonardo Marcondes com Coroliano RCLI

 

Placar Jovem Cavaleiro B – 45 concorrentes

podio1m_600
Campeão Lucas Petronilio de Lucca / SL Inscrita – Centro Hípico Granja Vianna – 0 pp Vice Leonardo S Marcondes / Coriolano RCLI – Haras RCLI – 0 pp
3º Guilherme Meneguelli / WFH Docs Bronner – Hípica Morumbi – 0 pp
4º Fernanda Domingues Casalino / Coralina da Mata – Hípica Morumbi – 0 pp
5º Pedro Henrique Garcia de Paulista Freitas / GB Castello – Rancho Império – 0 pp
6º Bruno Modinezi Rossetto / Tignanello de Rio Acima – E- Manège Alphaville – 0 pp

Placar Equipes Jovem Cavaleiro B

podio1m_600

Campeã – Hípica Morumbi – 4 pp

Fernanda Domingues Casalino / Coralina da Mata
Marina Tricoly / WFH Cheroki TW
Guilherme Meneguelli Rodrigues/ WFH Docs Brannier

Vice-campeã – E – Centro Hípica RA – 22 pp

Giovanna Assumpção / Trovador
Maria Beatriz Silva Tramujas Vianna / Atipica
Caio Alexandre Souza / Little Star IV
Felipe Mazuco / Afilhado dos Reis

3ª colocada Estância Três Irmãos – 76 pp

Noemi Kayama / E3I Wasabi
Luiza Melchert Bozzo / Dom Juan
João Pedro Gilbertoni / São Martinho

Na categoria Jovens Cavaleiro A, duas amazonas da Sociedade Hípica de Campinas foram ao desempate na corrida pelo título e demais posições no pódio também foram definidas com desempate entre os concorrentes com apenas um derrube. Sagrou-se campeã a sempre competitiva amazona Luisa Gabriela Damha com Bianco.

Luisa Gabriela Damha com Bianco

Luisa Gabriela Damha com Bianco

Giulia Maciel Martins com CT Anna Bolena comemorou o vice-campeonato.

Luisa Gabriela Damha com Bianco

Giulia Maciel Martins com CT Anna Bolena

 

Placar Jovem Cavaleiro A – 1.10 metro – 30 concorrentes

podio110_600

Campeã Luisa Gabriela Damha / Bianco – Sociedade Hípica de Campinas – 0 pp
Vice Guilia Maciel Martins / CT Anna Bolena – Sociedade Hípica de Campinas – 0 pp
3º Letícia Costa Guimarães / Pokeomon du Pickachu – Clube Hípico de Santo Amaro – 4 pp
4º Marco Aurélio Viola / Fulgor – Centro Hípico Capi – 4 pp
5º Carolina Americano Rocha / Coring – Sociedade Hípica Paulista – 4 pp
6º Guilia Aita Bernaccio / Petit Jolye JMen – Sociedade Hípica Paulista – 4 pp

Pódio Equipes – Jovem Cavaleiro A

podio_equipes_110

Campeã – Sociedade Hípica de Campinas – 0 pp

Letícia Giovana Damha / QH Jump du Hazard
Luisa Gabriela Damha / Bianco
Gabriella Dario Silvestre / Jasper
Giulia Maciel Martins / CT Anna Bolena

Vice-campeã – Sociedade Hípica Paulista – 8 pp

Guilia Aita Bernaccio / Petit Jolye JMen
Carolina Americano da Rocha / Coringa
Sarah Dino Arroyo Amorim / Timeiro Itapuã Sta

3ª – Clube Hípico de Santo Amaro – 16 pp

Elena Sophia Riegel / Hana
Letícia Costa Guimarães / Pokemon du Pikachu
Pedro Henrique Maia de Oliveira / Unforgetable Pioneiro
Vittoria Psillakis Mickenhagen / MC Vitoria Lutz

Já na categoria Jovens Cavaleiros, o cavaleiro da entidade anfitriã Claudio Luis de Melo Pereira com Ícaro sagrou-se campeão em desempate com Alexandre Monteiro Barbosa apresentando SL Sabor, pelo Centro Hípico Nashville, respectivamente sem faltas e um derrube no desempate, em 40s11 e 40s95.

Claudio Pereira com seu Ícaro sempre na linha de frente confirmou favoritismo dentro de casa

Claudio Pereira com seu Ícaro sempre na linha de frente confirmou favoritismo dentro de casa

Placar Jovem Cavaleiro – 1.20 metro – 30 concorrentes

podio_120_600

Campeão Claudio Luis de Melo Pereira / Ícaro – Clube Hípico de Santo Amaro – 0 pp
Vice Alexandre Monteiro Barbosa / Sl Sabor – Centro Hípico Nashville – 0 pp
3º Gabriel Sampaio de Souza / Holiday Exponencial – Associação Paulista Medicina – 4 pp
4º Vitor Hugo Mita Xavier / Renascence – Centro Hípico Nashville – 4 pp
5º André Moraes Mohr / Noa Noa da Lagoa – Centro Hípico Terras São José – 8 pp
6º Gabriel Braido Locoselli / Loop de Roop – Centro Hípico Capi – 8 pp

Finalmente na categoria Jovem Cavaleiro Top, Diego Cintra Brizolla Feres com Ziezo HB triunfou com apenas um derrube no computo geral das três provas representando a Hípica Brasil.

Diego Feres e  Ziezo HB saltam para vitória  na pista de grama santamarense, palco de históricas disputas nacionais e internacionais

Diego Feres e Ziezo HB saltam para vitória na pista de grama santamarense, palco de históricas disputas nacionais e internacionais

Sagrou-se vice-campeão, pela Sociedade Hípica de Ribeirão Preto, Caio Pace montando HI Galope Sport Caloroso que fechou com 13 pontos perdidos.

Os vice-campeões Caio Pace e HI Galope Sport Caloroso

Os vice-campeões Caio Pace e HI Galope Sport Caloroso

Yasmin Carmona com LKM Horacio JMen: 3ª colocada

Yasmin Carmona com LKM Horacio JMen: 3ª colocada

 

Placar Jovem Cavaleiro Top – 1.30 metro – 11 concorrentes

Campeão Diego Cintra Brizolla Ferez / Ziego HB – Hípica Brasil – 4 pp
Vice Caio Pace / Hi Galope Sport Caloroso – Sociedade Hípica de Ribeirão Preto – 13 pp
3º Yasmin Carmona / LKM Horacio JMen – Clube Hípico de Santo Amaro – 17 pp
4º Carlos Gallo Filho / SL Status II – Sociedade Hípica de Ribeirão Preto – 27 pp
5º Paola Rouhlin Hisian / Big Boss VIH Pallieterland – Sociedade Hípica Paulista – 35 pp
6º Julia Maffei / Aghadoe – Centro Hípico Zurita – 41 pp

 

Com a fonte FPH – fotos: Tupa Video – Duílio Andrade